Visibilidade dos planetas - Abril de 2017

Gráfico para o mês anterior Perguntas e Dúvidas? Gráfico para o próximo mês

As áreas brancas representam o dia, as faixas amarelas o crepúsculo astronômico e a azul a noite. Nas margens superior e inferior aparecem as horas, e nas laterais os dias do mês. Os símbolos vermelhos representam o nascimento e os azuis o ocaso dos planetas. Siga a ordenada do dia desejado até encontrar a curva do planeta e leia na grade das horas o momento da ocorrência do fenômeno. As posições foram calculadas para as coordenadas do observatório e podem variar devido à altura do horizonte local e da longitude do observador.


Mercúrio no ocaso, dificil de observar, passa pela conjunção inferior dia 20.


Vênus reaparece na madrugada após a conjunção.


Marte muito baixo no ocaso após o pôr do Sol.


Júpiter passa pela oposição dia 7 e pode ser observado por toda a noite.


Saturno nasce no inicio da noite e vem se juntar a Júpiter.


Urano muito próximo do Sol não será observado. Passa pela conjunção dia 14.


Netuno depois da conjunção, reaparece na madrugada.


Para informações mais detalhadas consulte o Almanaque Astronômico Brasileiro do CEAMIG de 2017

Observatório Phoenix